A Influência do Efeito Sunk Cost em Decisões de Investimentos - DOI: http://dx.doi.org/10.16930/2237-7662/rccc.v12n36p26-37

Stella Maris Lima Altoé, Luciana Klein, André Junior de Oliveira, Adriana Casavechia Fragalli, Lauro Brito de Almeida

Resumo


O objetivo do estudo é investigar as decisões de investimento em alunos e egressos de um Programa de pós-graduação stricto sensu, na modalidade acadêmica, em contabilidade, de uma Instituição Federal de Ensino Superior (IFES) localizada na Região Sul do Brasil, quanto a continuar ou descontinuar o projeto de investimento, ou seja, pretende-se verificar a ocorrência do efeito sunk cost em relação ao estágio de formação acadêmica. As informações foram coletadas a partir da aplicação de um questionário constituindo de um dos cenários de decisão de investimento, proposto no experimento de Kwak e Moom (2010). Para análise dos dados utilizou-se o teste não-paramétrico Qui-Quadrado. Os dados foram tratados e analisados pelo software XLSTAT. A amostra, intencional, foi composta de 46 respondentes. Os resultados encontrados demonstram que a decisão de continuidade do projeto de investimento é predominante, tanto para Mestres quanto para Mestrandos, caracterizando a ocorrência do efeito sunk cost nos dois grupos. O teste realizado demonstrou que não há relação de dependência entre o estágio de formação dos respondentes e a percepção do efeito sunk cost nas decisões de investimentos.


Palavras-chave


Efeito sunk cost; Investimento; Tomada de decisão.

Texto completo:

PDF


Revista Catarinense da Ciência Contábil, Florianópolis, SC, Brasil. ISSN: 2237-7662


Licença Creative Commons
Esta obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional