Implementação do Custeio Baseado em Atividades para Gestão dos Gastos de uma Empresa de Serviços Alimentícios - DOI: http://dx.doi.org/10.16930/2237-7662/rccc.v13n38p65-78

Henrique Torres Cavalcante, Fabiano Maury Raupp

Resumo


O artigo tem por objetivo demonstrar a implementação do custeio baseado em atividades para gestão dos gastos de uma empresa de serviços alimentícios. Foi empreendido um estudo descritivo, por meio de um estudo de caso, com abordagem qualitativa. Os instrumentos utilizados na coleta dos dados foram entrevistas e dados primários. Para análise e tratamento dos dados, utilizou-se a análise descritiva. A proposta, fundamentada no custeio baseado em atividades e no estudo desenvolvido por Lippel (2002), considerou a realidade vivenciada pelo restaurante e possibilitou a identificação dos processos e atividades existentes, dos custos de tais processos e atividades, a alocação desses custos aos produtos, bem como a alocação dos gastos relativos à matéria-prima, mão de obra e despesas diversas aos também produtos. A proposta permite analisar informações quanto à lucratividade de cada prato, preço de venda e quantidade vendida, podendo o gestor ponderar a melhor composição do seu cardápio, mix de produtos ofertados e optar pelos pratos que representam a melhor relação custo-benefício para o restaurante.

Palavras-chave


Gestão de gastos; Custeio baseado em atividades; Restaurantes.

Texto completo:

PDF


Revista Catarinense da Ciência Contábil, Florianópolis, SC, Brasil. ISSN: 2237-7662


Licença Creative Commons
Esta obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional