Os Desafios da Empresa Familiar para o Contador Moderno - DOI: http://dx.doi.org/10.16930/2237-7662/rccc.v1n1p41-62

Oldoni Pedro Floriani

Resumo


De uma figura já completamente ultrapassada, caduca, a prática contábil embasada no princípio secular das partidas dobradas e na visão do "guardalivros" como controlador das contas de uma empresa, já é história que deverá ficar gravada como o berço desta grande e complexa profissão. O contador é, hoje, chamado a desempenhar uma nova, importante e nobre função que se confunde com as lides de um controller empresarial, de elevado status na hierarquia organizacional. Paralelamente a essa mudança de arraigados paradigmas, a empresa familiar entrou no século 21 ainda enfrentando seu pesado fardo - o processo sucessório - que a leva, não raro, a fenecer antes do tempo, interrompendo às vezes tempestivamente uma trilha histórica de sucesso, em decorrência dos conflitos que surgem no seio da família empresária. Onde pode haver uma correlação entre estes dois aspectos? Tal questão tem uma resposta muito simples: um expressivo volume de empresas familiares é do tipo micro ou pequena organização e nestas a figura do contador é cada vez mais relevante, como assessor especial no processo gestor. Parte desta grande premissa o desenvolvimento deste trabalho, cujo escopo é expor e entender quais são os desafios do contador moderno, principalmente quando observado em seu trabalho junto às empresas familiares, independentemente de qual seja o porte destas. Busca-se, através do desenvolvimento teórico do tema contábil com base em autores tradicionais, a exposição dos principais pontos nevrálgicos do âmbito desta ciência e sua aplicabilidade na organização empresarial familiar. Como parte do embasamento e para facilitar a compreensão do leitor, dá-se forma e conteúdo ao desenvolvimento histórico dos elementosfamília e empresa, bem como se delineiam princípios básicos e fundamentais da contabilidade como uma antiga ciência com roupagem renovada. É nesta seara que a figura do contador moderno irá entrar, se observando o rol de novos desafios impostos à carreira e identificando as maneiras mais adequadas de superá-los - a constante auto-superação intelectual e cultural, por meio do aprendizado continuado. Conclui-se a exposição com a elencagem sucinta dos principais elementos constitutivos do problema inserido no título do trabalho, deixando-se por conta do leitor o descerramento de novos caminhos de pesquisa e investigação científica sobre o tema, incentivando-o a acreditar que, sim, há solução para a empresa familiar e para a valorização da profissão contábil, desde que todos os envolvidos nesse binômio se empenhem e se comprometam a buscar essas soluções. Talvez este seja o grande desafio do contador moderno e da própria empresa familiar, em uníssono ou por separado.

Texto completo:

PDF


Revista Catarinense da Ciência Contábil, Florianópolis, SC, Brasil. ISSN: 2237-7662


Licença Creative Commons
Esta obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional