Fatores que contribuíram para a falência de uma indústria de componentes plásticos, coletados pela análise de relatórios contábeis - DOI: http://dx.doi.org/10.16930/2237-7662/rccc.v9n27p61-77

Autores

  • Michele Patricia Roncalio
  • Rodrigo Valverde da Silva
  • Luiz Alberton
  • Guilherme Júlio da Silva

Palavras-chave:

Falência. Recuperação de Empresas. Análise das Demonstrações Contábeis.

Resumo

Em 2005 entrou em vigor no Brasil a Lei nº 11.101, também denominada nova Lei de Falência. Dentre as principais alterações implementadas pela nova Lei destacam-se a extinção da concordata, substituída pelo instituto da  recuperação de empresa, e a conferência de uma maior importância aos relatórios contábeis. A presente pesquisa pretende responder à seguinte problemática: quais fatores coletados a partir das demonstrações contábeis contribuíram para a falência de uma indústria de plásticos localizada em Santa Catarina? O estudo se desenvolveu por meio da análise das demonstrações contábeis, da verificação dos laudos periciais e das entrevistas com o interventor judicial e com o advogado da empresa objeto do presente estudo. A metodologia, quanto aos objetivos, é descritiva, pois, pela análise dos relatórios contábeis, descreve fatores que contribuíram para a falência de uma indústria. Quanto a sua problemática, ao adotar a análise de tais relatórios, a pesquisa é de abordagem quantitativa-qualitativa. Em seus procedimentos, trata-se de um estudo de caso da Profiplast Industrial S.A. Por fim, conclui-se que os altos índices de endividamento e os procedimentos contábeis, em desacordo com a legislação vigente, foram fatores determinantes para a decretação da falência da Profiplast Industrial S.A.

Biografia do Autor

Michele Patricia Roncalio

Contadora e Mestre em Contabilidade – UFSC. Atualmente é Contadora da Fazenda do Estado de Santa Catarina, Gerente de Estudos e Normatização Contábil da Secretaria de Estado da Fazenda e Professora Faculdade Energia de Administração e Negócios-FEAN.

Rodrigo Valverde da Silva

Contador, com graduação em Direito pela Univali. Mestre em Contabilidade – UFSC. Atualmente é Contador da Universidade Federal de Santa Catarina.

Luiz Alberton

Contador, com graduação em Licenciatura Plena para Professores Formação Especial Currículo de Ensino e 2º Grau pela UTFPR. Doutor em Engenharia de Produção – UFSC e atualmente é Professor Associado e Secretário de Planejamento e Finanças da UFSC.

Guilherme Júlio da Silva

Contador, com graduação em Ciências Econômicas pela UFSC. Mestre em Contabilidade – ISEC/FGV-RJ. Professor Aposentado da UFSC e atualmente é Presidente da Fundação de Estudos e Pesquisas Sócio-Econômicas – FEPESE.

Downloads

Publicado

21/10/2011

Como Citar

Roncalio, M. P., Silva, R. V. da, Alberton, L., & Silva, G. J. da. (2011). Fatores que contribuíram para a falência de uma indústria de componentes plásticos, coletados pela análise de relatórios contábeis - DOI: http://dx.doi.org/10.16930/2237-7662/rccc.v9n27p61-77. Revista Catarinense Da Ciência Contábil, 9(27), p. 61–77. Recuperado de https://revista.crcsc.org.br/index.php/CRCSC/article/view/1102

Edição

Seção

Artigos

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)

1 2 3 > >>