A Adoção das Normas Internacionais de Contabilidade Ocasionou um Maior Reconhecimento dos Ativos Intangíveis no Brasil? - DOI: http://dx.doi.org/10.16930/2237-7662/rccc.v12n37p51-63

Autores

  • Francisco de Assis Carlos Filho UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO
  • Lucivaldo Lourenço da Silva Filho UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO
  • Umbelina Cravo Teixeira Lagioia UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO
  • Igor Ézio Maciel da Silva UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO
  • Juliana Gonçalves de Araújo UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO

Palavras-chave:

Ativos intangíveis, Goodwill, Reconhecimento.

Resumo

O objetivo deste trabalho foi analisar se a transição das normas contábeis locais para as normas internacionais de contabilidade propostas pelo International Accounting Standards Board - IASB acarretou um maior reconhecimento dos ativos intangíveis nas empresas no Brasil e se há alguma correlação entre o preço das ações dessas empresas e a informação do ativo intangível publicado em suas demonstrações contábeis. A amostra utilizada foi de 213 empresas listadas na BM&FBOVESPA em um período de 6 anos, compreendidos entre 2005 e 2007 (antes da adoção das IAS/IFRS) e de 2009 a 2011 (pós adoção as IAS/IFRS). Para a verificação do aumento ou diminuição do reconhecimento dos ativos intangíveis identificáveis e dos ativos intangíveis não identificáveis (goodwill) utilizou-se a análise descritiva dos dados e, posteriormente, realizou-se dois testes comparativos de média: t-student e wilcoxon. Para a análise da existência de correlação entre o preço das ações e a informação do intangível divulgado nas demonstrações contábeis das empresas selecionadas para o estudo, foi utilizado um modelo de regressão multivariada. Os resultados encontrados utilizando-se o teste t-student indicaram que houve um maior reconhecimento por parte das empresas no que se refere às variáveis ativos intangíveis identificáveis e ativo intangível total, não acontecendo o mesmo em relação à variável goodwill. Já com relação ao valor do preço das ações e o intangível publicado, foi constatado que há uma relação entre o valor das ações e o total dos ativos intangíveis reconhecidos.

Biografia do Autor

Francisco de Assis Carlos Filho, UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO

Mestrando Ciências Contábeis UFPE

Lucivaldo Lourenço da Silva Filho, UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO

Mestrando Ciências Contábeis UFPE

Umbelina Cravo Teixeira Lagioia, UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO

Doutora Administração UFPE

Igor Ézio Maciel da Silva, UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO

Doutorando Economia UFPE

Juliana Gonçalves de Araújo, UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO

Mestrando Ciências Contábeis UFPE

Downloads

Publicado

20/12/2013

Como Citar

Carlos Filho, F. de A., Silva Filho, L. L. da, Lagioia, U. C. T., Silva, I. Ézio M. da, & Araújo, J. G. de. (2013). A Adoção das Normas Internacionais de Contabilidade Ocasionou um Maior Reconhecimento dos Ativos Intangíveis no Brasil? - DOI: http://dx.doi.org/10.16930/2237-7662/rccc.v12n37p51-63. Revista Catarinense Da Ciência Contábil, 12(37), p. 51–63. Recuperado de https://revista.crcsc.org.br/index.php/CRCSC/article/view/1548

Edição

Seção

Artigos