Considerações acerca da determinação do Valor Econômico Agregado EVA - DOI: http://dx.doi.org/10.16930/2237-7662/rccc.v6n16p27-42

Neri Müller, Charles Albino Schultz, Altair Borgert

Resumo


Este artigo tem como objetivo principal a apresentação de um exemplo prático de cálculo do Valor Econômico Agregado - EVA (Economic Value Added), a partir de informações divulgadas nas demonstrações contábeis para um caso hipotético, por meio de uma pesquisa teórica. Além disso, apresenta-se algumas considerações e conceitos acerca do EVA, bem como a função da contabilidade neste contexto. Na seqüência se enfatiza a discussão sobre os conceitos de lucro contábil e econômico, uma vez que o lucro contábil necessita de alguns ajustes para que possa ser utilizado na determinação do EVA. Destaca-se os fatores que compõem o cálculo do EVA, suas vantagens e algumas dificuldades, que a maioria das empresas enfrenta quando da sua implementação. Para o caso proposto, identifica-se que a empresa agrega valor aos acionistas, uma vez que o lucro operacional líquido após os impostos supera o montante do capital investido em R$ 861.580,00. Diante desta perspectiva, conclui-se que as operações da empresa maximizam o valor da riqueza para os acionistas, por meio do cálculo do EVA. 

 



Palavras-chave


Valor Econômico Agregado Governança Corporativa; Valor de Mercado Agregado

Texto completo:

PDF


Revista Catarinense da Ciência Contábil, Florianópolis, SC, Brasil. ISSN: 2237-7662


Licença Creative Commons
Esta obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional