Balanced Scorecard em uma Instituição de Ensino Superior: uma Proposta de Modelo para Gestão Estratégica - DOI: http://dx.doi.org/10.16930/2237-7662/rccc.v12n35p28-47

David da Silva Ulyssea, Cristina Martins, Jonas Duarte da Silva, Pollyanna Gerola Giarola, Carlos Rogério Montenegro de Lima

Resumo


Este artigo tem como objetivo propor um modelo para a gestão estratégica organizacional de Instituições de Ensino Superior, por meio da estruturação de um Balanced Scorecard (BSC) - ferramenta eficaz que traduz a visão e a estratégia organizacional em metas operacionais. Ressalta-se que embora as perspectivas originais sugeridas por Kaplan e Norton (1997) sejam as mais utilizadas, algumas IES geram perspectivas diferenciadas, como a perspectiva Sociedade no caso da Faculdade Alfa (nome fictício), particularmente aqui estudada. A abordagem da pesquisa é qualitativa e quanto aos objetivos se considera exploratória. As estratégias de pesquisa utilizadas foram bibliográfica, documental e estudo de caso. Os dados foram coletados por meio de estudo observacional, bem como de fontes secundárias. Os resultados da pesquisa indicam que: (i) as estratégias da instituição estão traduzidas em iniciativas e ações, por meio da ferramenta BSC; (ii) a instituição traduziu os objetivos estratégicos do Plano de Desenvolvimento Institucional em metas operacionais e (iii) o mapeamento da instituição desenvolvido por meio da metodologia BSC gerou uma visão holística e alinhada das estratégias desdobrando-as até seu nível operacional.


Palavras-chave


Balanced Scorecard; Mapa Estratégico; Indicadores; Instituições de Ensino Superior.

Texto completo:

PDF


Revista Catarinense da Ciência Contábil, Florianópolis, SC, Brasil. ISSN: 2237-7662


Licença Creative Commons
Esta obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional