Efeitos da Migração do Nível de Governança Corporativa Sobre o Valor e Estruturas de Capital e Propriedade da Empresa - DOI: http://dx.doi.org/10.16930/2237-7662/rccc.v11n33p51-65

Franciele Beck, Fernanda Kreuzberg, Moacir Manoel Rodrigues Junior, Nayane Thais Krespi, Paulo Roberto da Cunha

Resumo


O objetivo do estudo consiste em determinar os efeitos da migração do nível de Governança Corporativa sobre o valor de mercado, a estrutura de capital e a estrutura de propriedade das empresas. A amostra utilizada é composta de 9 empresas da BM&FBovespa que possuíam dados disponíveis referentes a 10 trimestres anteriores e 5 trimestres posteriores à data do evento. Conclui-se que as empresas que passaram para um nível superior de governança corporativa demonstram tendência de apresentar o mesmo comportamento, ou seja, aumentar seu valor de mercado, a participação de capital próprio em sua estrutura de capital e a dispersão acionária.

Palavras-chave


Governança corporativa; Migração de níveis; Estrutura de propriedade; Estrutura de capital.

Texto completo:

PDF


Revista Catarinense da Ciência Contábil, Florianópolis, SC, Brasil. ISSN: 2237-7662


Licença Creative Commons
Esta obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional