Custos no transporte rodoviário de passageiros e encomendas: estudo em uma empresa catarinense - DOI: http://dx.doi.org/10.16930/2237-7662/rccc.v14n42p25-40

Patrícia Silva, Valdirene Gasparetto, Rogério João Lunkes

Resumo


As empresas de transporte  rodoviário de passageiros e encomendas, ao mesmo tempo em que enfrentam concorrência intermodal, operam sob o regime de concessões públicas com tarifas regulamentadas. Têm que aprimorar sua gestão para obter o retorno esperado de seus investimentos. Informações de custos podem subsidiar a tomada de decisão auxiliando na busca de vantagem competitiva nessas organizações. Assim, o objetivo desta pesquisa é apresentar uma abordagem para apuração dos custos em uma empresa de transporte rodoviário de passageiros e encomendas. Trata-se de uma pesquisa descritiva,  com abordagem qualitativa, empregando estudo de caso único em uma empresa sediada em Santa Catarina. Analisou-se as características da empresa e da sua estrutura de operação e gastos, para definir uma metodologia de apropriação dos custos. Embora uma parcela dos gastos nas empresas desse ramo de atividade esteja diretamente relacionada aos veículos, devido ao porte dessa empresa e de suas decisões estratégicas, há uma estrutura de apoio com um montante substancial de custos indiretos e despesas, tratada com um método de custeio. Foi empregado neste estudo o custeio baseado em atividades. Foram geradas informações que a empresa poderá empregar na tomada de decisões de gestão, visando o alcance das metas de remuneração do capital empregado e à melhoria dos serviços prestados, melhorando, também, sua vantagem competitiva e o valor para o cliente final.

Palavras-chave


Gestão de custos; Transporte rodoviário de passageiros e encomendas; Custos.

Texto completo:

PDF


Revista Catarinense da Ciência Contábil, Florianópolis, SC, Brasil. ISSN: 2237-7662


Licença Creative Commons
Esta obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional