Perícia Contábil: análise bibliométrica e sociométrica em periódicos e congressos nacionais no período de 2007 a 2011 - DOI: http://dx.doi.org/10.16930/2237-7662/rccc.v12n37p64-79

Autores

  • Tatiane Schmitz Universidade do Estado de Santa Catarina – UDESC
  • Vanderlei dos Santos Universidade do Estado de Santa Catarina – UDESC
  • Lara Fabiana Dallabona Universidade do Estado de Santa Catarina – UDESC
  • Elaine Kammers Truppel Universidade do Estado de Santa Catarina – UDESC
  • Leomar Truppel Universidade do Estado de Santa Catarina – UDESC

Palavras-chave:

Perícia contábil, Bibliometria, Sociometria, Artigos. Periódicos.

Resumo

O estudo objetivou identificar as características bibliométricas e sociométricas da produção científica em perícia contábil no Brasil entre os anos de 2007 e 2011. A amostra contemplou 25 artigos que continham as expressões: "perito" ou "perícia" nas palavras-chave, título ou resumo, e que abordassem especificamente sobre perícia contábil no período de 2007 a 2011. Os resultados mostraram que as publicações foram mais intensas em 2007 e 2008. O tema está difundido apenas em nove periódicos e praticamente não há publicação naqueles considerados de alto impacto. Houve a participação de 51 autores e 22 instituições nos trabalhos. As universidades com maior número de artigos não foram aquelas que tiveram maior laço de cooperação. Os temais mais abordados foram estrutura e qualidade do laudo pericial e as condições de ensino de perícia nos cursos de graduação, restringindo-se a determinadas regiões. Em relação às referências, a maior parte constitui-se de livros nacionais, e os autores mais citados foram aqueles que possuem livros didáticos publicados a respeito do tema e que constantemente são utilizados nos cursos de graduação. Considerando que foram encontrados apenas 25 artigos publicados no período analisado, concluiu-se que o tema é pouco explorado, tanto no meio acadêmico quanto no profissional. Sugere-se, dessa forma, que futuras pesquisas venham a ser desenvolvidas sobre a temática "perícia contábil". Além disso, as fracas relações de colaboração, existentes entre pesquisadores e instituições, acabam por caracterizar redes pouco coesas e pouco integradas.

Biografia do Autor

Tatiane Schmitz, Universidade do Estado de Santa Catarina – UDESC

Graduanda em Ciências Contábeis na

Universidade do Estado de Santa Catarina – UDESC 

Vanderlei dos Santos, Universidade do Estado de Santa Catarina – UDESC

Mestre em Ciências Contábeis na Universidade Regional de Blumenau

Professor do Curso de Graduação em Ciências Contábeis da

Universidade do Estado de Santa Catarina – UDESC 

Lara Fabiana Dallabona, Universidade do Estado de Santa Catarina – UDESC

Doutoranda em Ciências Contábeis e Administração na

 Universidade Regional de Blumenau - FURB

Professora do Curso de Graduação em Ciências Contábeis da

Universidade do Estado de Santa Catarina – UDESC 

Elaine Kammers Truppel, Universidade do Estado de Santa Catarina – UDESC

Graduanda em Ciências Contábeis na

Universidade do Estado de Santa Catarina – UDESC 

Leomar Truppel, Universidade do Estado de Santa Catarina – UDESC

Graduando em Ciências Contábeis na

Universidade do Estado de Santa Catarina – UDESC 

Downloads

Publicado

20/12/2013

Como Citar

Schmitz, T., Santos, V. dos, Dallabona, L. F., Truppel, E. K., & Truppel, L. (2013). Perícia Contábil: análise bibliométrica e sociométrica em periódicos e congressos nacionais no período de 2007 a 2011 - DOI: http://dx.doi.org/10.16930/2237-7662/rccc.v12n37p64-79. Revista Catarinense Da Ciência Contábil, 12(37), p. 64–79. Recuperado de https://revista.crcsc.org.br/index.php/CRCSC/article/view/1620

Edição

Seção

Artigos